Vestido da Fer

Oi noivinhas,

Conheço a Fer desde a facul… amiga princesa querida que casou por esses dias e está vendendo essa maravilha de vestido!!!

Vamos aos detalhes? O modelo é um Carmina, da super tradicional casa de noivas espanhola Rosa Clará. Foi usado uma única vez e não faz nem 1 mês, já que a Fer casou há quase 3 semanas. É um modelo rico, impecável e cheio de estilo para noivas clássicas, amei todos os detalhes em renda e a saia de tule!

Tamanho: 40

Vem com véu e com o laço maravilhoso (que é removível para quem não gostar)!

Valor: R$ 6 mil – uma pechincha para um vestido tão nobre

10599332_1440323469542524_2742986426775094365_n 10610491_1440323272875877_6632967056823406299_n 10620520_1440318722876332_4164945151597036322_n rosa-clara-wedding-dress-2014-bridal-carmina__full

Contato: mariana.rabelo@gmail.com

Carol Hungria – Vestidos que mais fizeram sucesso em Junho

Veja as fotos que mais fizeram sucesso no Facebook e Instagram da Carol Hungria em Junho

Rio de Janeiro, 02 de Julho de 2014 – Como já virou febre em suas redes sociais, a estilista Carol Hungria acaba de publicar o Top 3 com as fotos que mais fizeram sucesso no Facebook do Atelier e em sua página no Instagram. Entre as publicações do mês de junho, destaque para o vestidão de tule com aplicações de renda francesa da #noivadacarol Luiza Brugger, recordista de likes no Facebook. Seguido pela manga incrível da noiva Juliana Ourofino, também toda trabalhada em renda francesa, e pelo modelo bem fluído da Camila Negri, feito em mousseline e renda.

Já no Instagram, os três vestidos que mais agradaram as seguidoras, conquistando mais de mil likes, foram o modelo com uma sobresaia linda de renda francesa escolhido pela noiva Vanessa Bechelaini, seguido pelo vestidão com as alças todas trabalhadas em florais de renda da noiva Vivi Takao e pelo vestido da Mariana Jost, todo trabalhado com mistura de rendas francesas e aplicações de pérolas.

Siga você também as páginas do Atelier no Facebook e da Carol (@hungriacarolina) no Instagram e acompanhe o dia a dia de produção, além das inspirações da estilista.

Estilo Carol Hungria

Desde 2007, ano em que abriu seu atelier, Carol imprime um estilo único nas criações que levam o seu nome. Em pouco tempo, conseguiu criar uma identidade própria ao ponto de ter seus vestidos facilmente reconhecidos. Um mix perfeito de cores e de texturas. Tudo na medida. Os vestidos são românticos sem serem chatos.  Diferentes, sem causar estranheza. Chiques, não esnobes. Elegantes e lindos. A inspiração parte de elementos da natureza, como flores e folhas, e, claro, a personalidade de cada mulher.

A sensibilidade para conhecer a noiva Carol também leva para a escolha dos materiais, sempre usando tecidos em seda pura como cetim, musseline, organza, além de tafetás, zibelines e rendas. O arremate é feito com cristais, pérolas, minipaetês transparentes e muitas flores. “Só trabalho com os melhores materiais para ter o melhor caimento. Isso faz toda a diferença. Mesmo que a pessoa não entenda tecnicamente de moda ou tecidos, ela percebe quando a roupa tem um corte maravilhoso, veste bem e valoriza o corpo”, comenta.

O atelier tem parceria com as melhores fábricas de tecido do mundo. Da França e da Itália, por exemplo, chegam as rendas quase que exclusivas.  “Quase” porque há um

“acordo entre cavalheiros” e a renda comprada por ela, por exemplo, não é vendida para outro cliente brasileiro. Quer mais exclusividade? Em alguns casos, é possível desenvolver o desenho a partir de uma renda da própria cliente. Dessa forma é possível, por exemplo, reproduzir aquela estampa usada no vestido de noiva da avó.

As flores, aplicadas nos vestidos ou usadas nos cabelos, merecem um parágrafo à parte. Novamente, a palavra de ordem é exclusividade. Elas são produzidas artesanalmente por uma equipe supervisionada por uma florista. A inspiração vem de todas as partes do mundo. Carol tem um álbum de fotos com as mais diferentes flores que ela encontra durante suas viagens.  Mais uma forma de tornar único o look do grande dia.

 98 - Luiza Brugger 124 - Juliana Ourofino Mariana-Jost(destaque_manga Mariana-Jost-(destaque-cost Mariana-Jost-(frente) Vivi-Takao top3_insta_junho Noiva Camila Negri - Foto Patrícia Figueira Vanessa-Bechelaini

Juliana & Rodolfo

Um casamento super gostoso e colorido – me inspirou absurdamente em vários detalhes. Os noivos se conheceram no centro espírita que trabalham, achei o depoimento da Ju super bacana, vamos conferir?
”Eu e o Rodolfo nos conhecemos no Centro espírita que trabalhávamos. Eu ja trabalhava lá há 7 anos quando ele entrou, pra mim foi amor à primeira vista, “quem era aquele moço novo? aquele gatinho que entrou? aqueles olhos?”, mas lá não era um ambiente pra paqueras. Ai aos poucos fomos começando a conversar nos dias que tinham festinha de aniversário no final do mês, ele pediu meu facebook me adicionou e ficamos horas conversando, até que ele me chamou pra sair! Fomos num barzinho, nos conhecemos, nos beijamos e nunca mais desgrudamos, passou alguns dias ele me pediu em namoro, depois com 6 meses de namoro, no dia 12/12/12 ficamos noivos, e começamos a pensar na festa, na data, em tudo. (Ah, e pra ele também foi amor à primeira vista, descobri!).
Só pra comentar, eu e o Rodolfo não nos desgrudamos em nada, somos muito parecidos e temos muita coisa em comum, somos espiritas, reikianos, fazemos cursos juntos, somos praticantes de corrida, amamos de todo coração a natureza, gostamos de meditar, contemplar a natureza e o que não poderia faltar é que amamos uma boa gastronomia. Eu adoro cozinhar e ele ama meus pratos. Gostamos de um sambinha, uma moda de viola, um botequinho, uma boa música brasileira. Somos de gostos simples, um fogão a lenha, uma casinha de fazenda, uma boa prosa, isso faz a gente feliz!
Sobre a festa:
Temos gostos simples, gostamos do rústico, do natural, nada de modernidade, de coisas “quadradas”. Digo que nossa festa saiu um pouco do tradicional, e o buffet classificou nosso cardápio de exótico.
A data foi ele que pensou, 30/11/2013. Depois que ele me passou a data, eu comecei a orçar tudo de tudo por email, buscar indicações e preços, fazer orçamentos, pesquisas, sou rápida nisso. Ai eu juntava os que mais havia gostado e marcava reunião, e tudo que eu recebia de orçamentos, de indicações, de preços, qualidade eu enviava pro Rodolfo por email. Conversávamos o dia inteiro por email negociando nosso casamento. Ele foi um noivo bem participativo.
E assim nos reuniões a gente ia sentindo o fornecedor, sentindo a sintonia, se era o que estávamos buscando, a empatia, tudo, e fomos fechando um a um. Fomos em muitas reuniões, em muitas degustações, e sempre concordamos quanto ao que contratar.
Como somos espíritas, não tinha sentido uma cerimônia na Igreja celebrada por um Padre. Queríamos uma cerimônia ao ar livre, no mesmo local da festa, com uma celebrande espírita, e conseguimos a Ana Ariel, cantora espírita e palestrante. 
Ela fez uma celebração voltada pro encontro de almas e pro amor, usou a simbologia dos 4 elementos (fogo, terra, ar e água) e emocionou a todos com suas palavras. Eu entrei ao som da Marcha Nupcial na Viola Caipira e cheguei de Rural (aquele carro antigo). Na Cerimonia tinha água aromatizada, leques de madeiras pros convidados, arroz e bolinha de sabão para nossa saída.”
00012 00052 00062 00102 00122 00142 (1) 00172 00182 00212 00222 00232 00242 00262 00312 00342 00372 00562 00602 00612 00682 00702 00722 00732 00802 00861
Meus fornecedores foram:
1) Buffet Santa Maria
2) Decorador: Aldo Silvestre, segundo ele foi divertido fazer minha decoração, pois ele mistorou o estilo vintage com o rústico.
3) Local: Kratos Eventos, em Vinhedo/SP
4) Animação e música: Banda P2
5) Celebrante: Ana Ariel
6) Foto e Filmagem: Guilherme e Camila Pontes
7) Docinhos: Desejo e Sabor
8) Bem casados: Lenir Maia Gourmet (BH)
9) Chinelos personalizados (Custumi Zu)
10) Tacho de Brigadeiro ( Madame Formiga)
11) Totem de fotos (Instapicture)
12) Música Cerimônia: Sousa Musical – Valinhos/SP
13) Vestido de Noiva: A Modista
14) Cerimonial: Flávia Cantúsio
15) Sambistas, ao invés de contratar escola de samba, só contratei 3 sambistas pois minha banda tem experiência em carnaval e me deu esta idéia e deu certo. Elas entraram em determinada hora, e eles levaram instrumentos de samba.
16) Dia da Noiva: Aguinaldo Cabelos: Make Juliana Félix e Cabelo Ivan
17) Lua de Mel: Nannai Beach Resort
18) Convites: nós que fizemos a arte, que dobramos e colamos tudo. Era de papel reciclavel bege, envelope marrom, amarrados com juta e um pau de canela, bem rústico.
19) Noite de Núpcias: Hotel Vitória
20) Bartenders: Maragattos
21) Espumante: Cortês – Bento Gonçalves/RS.
Surpresas: eu fiz 4 meses de aula de violão e toquei a música ” De Janeiro a Janeiro – Nando Reis” pra ele no palco de surpresa. Ele fez um vídeo hilário pra mim, ele corria na lagoa do taquaral de domingo que é lotado com uma placa de “juju te amo” na mão, depois foi até o boteco que a gente se conheceu.
Segundo o Angelo, minha festa foi bem fora do padrão do que eles estão acostumados, porque a pista não parou um minuto sequer. Quando acabou a cerimônia, fomos tirar fotos num boteco em Vinhedo próximo ao Kratos, enquanto os convidados se acomodavam. Quando entramos, fomos recebidos pelos padrinhos com balões de corações e dai em diante a pista não parou mais.
Não parou nem pro jantar – Até hoje recebemos elogios sobre a festa.

Monique Lhuillier – NY Bridal Week

Uma das minhas estilistas preferidas de haute-couture. Monique Lhuillier possui um luxo sofisticado, provocando feminilidade, charme e glamour que a fez famosa no mundo do design. Senso inato de Monique de estilo é predominante em toda suas coleções de noivas.

Além de Carolina Herrera e Vera Wang, outra estilista a apostar em decotes em V foi Monique Lhuillier.

Imagem: Reprodução/WWD